Sistema Som Audi

Tópico em 'Eletrónica e VAG-COM' iniciado por Rui P, 23 Mar 2022.

  1. blackibiza

    blackibiza

    Desde:
    19 Set 2010
    Mensagens:
    1 418
    Gostos Recebidos:
    757
  2. robie25

    robie25

    Desde:
    24 Out 2012
    Mensagens:
    954
    Gostos Recebidos:
    133
    Quando o carro já vem com todos esses extras, são dores de cabeça que se poupam. O meu A5 (de 2011) ja vem com o sistema de som B&O, e gosto bastante, são 13+1, o sub na mala.
     
  3. blackibiza

    blackibiza

    Desde:
    19 Set 2010
    Mensagens:
    1 418
    Gostos Recebidos:
    757
    @Rui P Do que estive a ver do teu kit, o crossover que vem incluido não é o correcto.
    Pelo que vi falam globalmente bem delas e até ganharam alguns prémios. Vou mandar vir para mim umas colunas dessas para testar e depois digo-te como correu.

    Mas digo-te já que vou usar um crossover diferente do que vem nesse kit.
    Depois partilho umas fotos e resultado. Vamos la ver se tb noto melhorias nos médios e graves (e se tenho necessidade de continuar com o subwoofer para os subgraves).
     
    Rui P gostou disto.
  4. Rui P

    Rui P

    Desde:
    24 Fev 2022
    Mensagens:
    22
    Gostos Recebidos:
    7
    Obrigado pelo links, penso que já tinha andado a pesquisar por aquele fórum ;)

    Se já estás habituado a um subwoofer no carro se calhar vais notar diferença, eu no meu caso estou a partir de uma situação inversa em que não tinha nada de graves e notei uma diferença bastante grande para melhor.

    Fico a aguardar o teu feeback em relação aos tweters.
    Um coisa que reparei é que nos meus tweters de origem têm o que parece ser um condensador, isto faz a vez de um crossover? será isto que fecha o circuito? é que a mensagem do VCDS diz que o circuito está aberto.

    twetter.jpg
     
  5. Rui P

    Rui P

    Desde:
    24 Fev 2022
    Mensagens:
    22
    Gostos Recebidos:
    7
    Obrigado pela resposta e partilha de conhecimento, aqui não será o caso pois a cablagem está toda ok e o problema só começou quando instalei os tweters novos. Será uma questão de compatibilidade entre o sistema nativo do carro e a ligação aos tweters novos.
     
    zefern gostou disto.
  6. Rui P

    Rui P

    Desde:
    24 Fev 2022
    Mensagens:
    22
    Gostos Recebidos:
    7
    São 8 canais do radio origem, os tweters OEM vem directo do rádio pelo que percebi, pelo menos não vejo qualquer ligação para a porta.
    Revi todas as configurações com olhos de ver :), fiz vários testes:

    - ligação direta dos tweters sem crossover da FOCAL (volta aparecer erro).
    - Inverter os cabos (nas ligações som Audi segui a regra que o "1" é sempre negativo), por descargo consciencia inverti e pus o 1 com o positivo do tweter, dá som na mesma e funciona mas volta aparecer o erro.
    - Se ligar o tweter OEM o erro desaparece.

    Não consigo fazer o auto teste som pelo VAG, dá erro operação inválida.
     
  7. blackibiza

    blackibiza

    Desde:
    19 Set 2010
    Mensagens:
    1 418
    Gostos Recebidos:
    757
    Partilho!
    Elas já estão no correio (DHL) mas como estarei fora do país nos próximos dias poderei demorar algum tempo a responder.
    Aproveitei e comprei já com o kit para o A5/A4 assim não tenho de fazer adaptações.

    Uma nota!
    Do que vi, tu colocaste o tweeter no sitio do mid-range (isto é, substituíste o que estava no tablier?)
    É que o tweeter fica no pilar A (ou, no meu caso, na zona do espelho retrovisor). Se não tens o buraco no pilar para o tweeter, então tens de trocar o cover (podes falar com o jimy que ele vende isso para depois lá colocares o tweeter).

    Supostamente o que vem no kit da focal são tweeters, e esses, no teu caso tens de colocar no pilar A.
    Mid-range é para não ser tocado. Posso te mostrar o meu (que por acaso tb já não é original) mas sim, tem isso lá tb.

    Infelizmente não vou dar uso aos tweeters do kit que comprei pois já tenho jlaudio. Mas estou bastante curioso para ver o improvement nos médios/graves face ao oe. É que na altura só fiz upgrade aos tweeters, mid-range e subwoofer (mas o subwoofer não lhe estou a dar tanto uso como esperava, acabando por sentir mais falta dos medio/grave).

    vamos la ver... depois tb partilho o gráfico.
    cm tenho o sub, tb vou tentar partilhar com sub e sem sub.
     
    madlima29 gostou disto.
  8. zefern

    zefern

    Desde:
    3 Jun 2007
    Mensagens:
    1 519
    Gostos Recebidos:
    947
    Se o tweeter está ligado através do crossover, esse condensador acoplado ao tweeter serve apenas para mera prevenção contra picos de média ou baixa frequência que o iriam danificar e que por qq motivo passassem pelo crossover. Nessa situação onde a corrente que flui é muito baixa, é muito raro esse condensador secar ou descapacitar, são precisas muitas horas de trabalho. Contudo é uma peça eletrónica e daí suscetível de avariar. Seria portanto oportuno medi-lo caso não foi feito, mas é necessário um capacímetro.
    Constatei aí na foto que a marca também já fabrica componentes audio na China.... Que pena, seguiram os passos dos rivais! Tinha esperança que não acontecesse, mas....
     
  9. blackibiza

    blackibiza

    Desde:
    19 Set 2010
    Mensagens:
    1 418
    Gostos Recebidos:
    757
    Diz-me o que é que actualmente não é feito na china, especialmente no audio.
    Boa parte das marcas, mesmo de segmentos de nicho, podes ler "desenhado" em qq lado, "montado" na china. Se não for assim, algo do genero. Para escapar a isso só escolhendo marcas Americanas ou Japonesas, tirando isso a probabilidade é alta.

    Contudo, o que faz a diferença é o processo de qualidade. Isso fará que sejam correctamente instaladas (sei de alguns casos que devido à temperatura ambiente do país, nunca terá a mesma qualidade, mas regra geral não teremos problemas).
    O grande problema, a meu ver, de ser feito nesse país, é a facilidade que esses senhores tem em replicar por produtos mais baratos. Isso é um grande problema para as marcas (vejam por exemplo a LandRover que deixou de apresentar os seus protótipos à custa disso - Link)

    Relativamente à Audi, não sei qual é a empresa que está a produzir os altifalantes para eles, mas está visto que alguns deles são feitos lá, na china. Contudo, não se esqueçam que alguns modelos no grupo tb são produzidos na China. Para quem tiver curiosidade, tem aqui um link interativo para ver onde são as fábricas e quais os carros lá produzidos - Link

    Mas como partilhado anteriormente, a minha suspeita é que o user fez uma troca de altifalantes (colocando um tweeter no local do mid-range).
     
    madlima29 gostou disto.
  10. madlima29

    madlima29

    Desde:
    6 Jul 2009
    Mensagens:
    19 341
    Gostos Recebidos:
    7 460
    Pensei nisso, mas por outro lado seria demais...
     
  11. Black Drako

    Black Drako

    Desde:
    27 Nov 2011
    Mensagens:
    6 022
    Gostos Recebidos:
    3 803
    As gamas altas da Focal sao fabricadas na França..
    Mas sim, são poucas as que ainda nao levaram tudo pra China.
     
    zefern gostou disto.
  12. zefern

    zefern

    Desde:
    3 Jun 2007
    Mensagens:
    1 519
    Gostos Recebidos:
    947
    Infelizmente é o que se constata!
    Desculpem, é um pouco offtopic...
    Ainda há marcas (no audio) que mantêm fabrico próprio, as nórdicas (DLS, Dynaudio p.ex. e alguma(s) Italianas. Algumas Inglesas já estiveram na China e estão a regressar à produção caseira pois perderam mercado, a qualidade via-se e ouvia-se!
    As Japonesas tudo que for baixa e média gama é tudo feito na China. Vê-se na Pioneer, Sony, Kenwood, Alpine etc
    A Focal tem a linha económica para as grandes superfícies e lojas de acessórios auto que é tudo feito na China, só nas lojas oficiais de representação da marca se encontram as "verdadeiras" made in France. E que diferença ao ouvi-las!!!
    E depois é preciso ver que a maior parte das marcas "mais comerciais" (altifalantes) são todas feitas no mesma fábrica ou grupo fabril que apenas coloca "logos" diferentes. Ao exemplo da ZF que fabrica airbags para mais de uma dezena de marcas da automóveis.
    Fábricas de altifalantes de raiz não havia muitas no mundo, depois é que vieram os chineses com as réplicas, cópias e foram criando "fabriquetas", algumas delas nas caves dos prédios onde se verificava ainda muita mão-de-obra infantil, não qualificada etc. Preço produção baixo, tiveram um aumento encomendas abismal que tiveram de expandir para polos industriais...
    Ainda bem que devido aos padrões de qualidade, homologações etc exigidos pelos europeus e americanos, foram obrigados a melhorar em muito essa produção.
    Resumindo, não sou contra os produtos fabricados na China (nem me valeria de nada), o importante é a qualidade da matéria prima para o fabrico de um determinado produto. Desde que as próprias marcas (e refiro-me a marcas consagradas) levem o desenho/projeto e essa matéria prima, a produção com qualidade eles já conseguem. Mesmo assim as melhores levam também o próprio equipamento de fabricação e apenas usam a mão-de-obra deles.
    Depois há uma coisa muito importante nos dias de hoje e que afeta muito o custo final do produto, a logística. Pode ser que num futuro não muito distante, com a robotização massiva da produção, as grandes marcas/empresas voltem a terras próprias...
     
  13. zefern

    zefern

    Desde:
    3 Jun 2007
    Mensagens:
    1 519
    Gostos Recebidos:
    947
    Não creio que a troca do tweeter por midrange acuse o erro, desde que sejam da mesma impedância. Afetaria a nível acústico pois não estariam a reproduzir na sua faixa de frequência certa, de resto.....muitos dos mortais nem notariam a diferença!
    Poderá ser pela ESR dos condensadores...
     
  14. madlima29

    madlima29

    Desde:
    6 Jul 2009
    Mensagens:
    19 341
    Gostos Recebidos:
    7 460
    FAZ UM ESQUEMA PORMENORIZADO DE COMO LIGASTE AS COLUNAS TODAS.
    TIRA RESMAS DE FOTOS PARA VERMOS.

    TENHO A CERTEZA QUE ALGO ESTA MAL LIGADO
     
  15. blackibiza

    blackibiza

    Desde:
    19 Set 2010
    Mensagens:
    1 418
    Gostos Recebidos:
    757
    Acho muito bem vindo este offtopic que acaba por estar ligado directamente ao som.
    Não sei se as marcas tem vindo a mudar o mindset e se isso se está a inverter pois estou actualmente um bocado fora do mercado.

    O que reparei é que estas Focal (abordadas neste tópico) foram fabricadas na China e mesmo assim ganharam alguns prémios.
    E do que se lê por aí é, parece ser unanime o bom desempenho (do que pesquisei, existe uma casa de caraudio dedicada em Coimbra que é o revendedor oficial). Dito isto, será que se tivessem sido fabricadas em "França" tocariam melhor? Por curiosidade, as minhas estão a caminho de uma loja de Italia (onde o vendedor, com casa aberta faz mais de 30 anos até foi quem as recomendou em detrimento de outras - uma loja com representação de várias marcas). Vamos la ver o que sai daqui...

    Quando comprei as minhas B&W, com a excepção da serie Nautilus (coluna a custar acima de 50k), todas eram fabricadas na China (serie 600, 700 e 800 - com preço por vezes a ultrapassar os 15k). A B&W tem um comunicado no site deles a mencionar a joinventure por motivos de redução de custos e para se tornarem-se competitivos.

    Depois partilho as minhas ligações mas o mid-range que ele tem no tablier, tem ligação directa ao rádio (e tem aquele condensador).
    E a meu ver, poderá partir daí o erro pois o tweeter deveria ter ficado no pilar, mas com o crossover a fazer o desvio do sinal na porta, onde está o grave. Penso que deveria ter sido assim a forma correcta de ligar aquilo.
     
    zefern gostou disto.

Partilhar esta página